Os consumidores atuais esperam encontrar uma experiência de compra completa, rápida e eficaz, colocando o varejo omnichannel entre as preferências de boa parte dos consumidores. Diante desse cenário, vemos uma ampla concorrência entre as companhias.

Como o varejo omnichannel não é mais uma novidade, os clientes adoram e muitas marcas estão explorando essa estratégia, é comum surgir a pergunta: como garantir um bom desempenho para o meu negócio com picos de acesso ao varejo omnichannel?

Se passou por sua cabeça essa e outras dúvidas sobre como fazer o seu varejo omnichannel decolar em meio a tanta concorrência, continue acompanhando esse artigo e confira as dicas que selecionamos para te ajudar!

Conheça as preferências do seu público

Como mencionado no início, as estratégias do varejo omnichannel não são novidades no mercado, pois há algum tempo essa estrutura de relacionamento e vendas vem sendo apontada como uma das principais tendências do setor.

Entretanto, nos últimos meses devido às mudanças causadas pela pandemia, muitas empresas tiveram que repensar o seu atual formato de trabalho para começar a construir um varejo omnichannel.

De acordo com a pesquisa da Riverbed Retail Digital Trends, que ouviu consumidores nos Estados Unidos, Austrália e Alemanha, cerca de 89% das pessoas concordam que ter uma experiência de compra digital positiva é tão importante para sua fidelidade a um varejista quanto seus preços.

No Brasil, o panorama não é tão diferente. Segundo dados levantados pela Neotrust, foram realizadas 78,5 milhões de compras online nos três primeiros meses de 2021, um aumento de 57,4% em comparação ao mesmo período do ano passado.

Esse é um movimento bastante comum em boa parte do varejo omnichannel, compras online em alta e o ponto físico sendo o local mais indicado quando o consumidor busca por uma experiência diferenciada ou por facilidades, como retirada em drive-thru e descontos especiais para quem opta por buscar o produto em poucos minutos na própria loja.

Sendo assim, estude o seu público, verifique quais pontos do varejo omnichannel ele mais valoriza e foque em melhorias que possam diferenciar o seu negócio da concorrência. Para aproveitar os picos de acesso, é preciso entender a sua operação e trabalhar com boas ferramentas que ajudarão a alavancar a sua marca.

Os consumidores atuais esperam encontrar uma experiência de compra completa, rápida e eficaz, colocando o varejo omnichannel entre as preferências de boa parte dos consumidores. Diante desse cenário, vemos uma ampla concorrência entre as companhias.

Como o varejo omnichannel não é mais uma novidade, os clientes adoram e muitas marcas estão explorando essa estratégia, é comum surgir a pergunta: como garantir um bom desempenho para o meu negócio com picos de acesso ao varejo omnichannel?

Seja um varejo omnichannel de verdade

Vender a ideia de varejo omnichannel simplesmente por oferecer atendimento ao cliente via WhatsApp certamente não trará bons resultados para a sua empresa. É preciso ser de fato um varejista omnichannel.

O novo perfil de consumidor espera encontrar no varejo omnichannel um atendimento rápido, claro e esclarecedor, além de valorizar a integração em todos os processos. Para atuar como varejo omnichannel de verdade, é fundamental ter uma plataforma de excelência como sua aliada.

Por meio da inteligência artificial, é possível automatizar tarefas manuais e capacitar os clientes a praticarem o autoatendimento, quando esse for apropriado para o seu negócio. Além disso, como um sistema omnichannel de qualidade é possível criar regras de negócio complexas em poucos minutos, escalar times por especialidade, redirecionar por canais de atendimento e criar rotas inteligentes por produto, assunto ou motivos.

Com essa estrutura, os clientes falam imediatamente com a pessoa mais adequada para atender a sua demanda e o time de atendimento consegue focar na construção de relacionamentos mais personalizados.

Você conferiu no artigo de hoje como é possível garantir o bom desempenho mesmo em picos de acesso no varejo omnichannel. Para entender na prática todo o potencial de uma plataforma parceira dos varejistas, clique aqui e solicite uma demonstração gratuita da Solução Omnichannel da GVP.

Já há algum tempo, o varejo omnichannel não é uma opção para as empresas, mas sim uma necessidade urgente para quem quer destacar o seu negócio, ampliar as vendas, conquistar mais clientes e construir um público ativo.

Se passou por sua cabeça essa e outras dúvidas sobre como fazer o seu varejo omnichannel decolar em meio a tanta concorrência, continue acompanhando esse artigo e confira as dicas que selecionamos para te ajudar!

Conheça as preferências do seu público

Como mencionado no início, as estratégias do varejo omnichannel não são novidades no mercado, pois há algum tempo essa estrutura de relacionamento e vendas vem sendo apontada como uma das principais tendências do setor.

Entretanto, nos últimos meses devido às mudanças causadas pela pandemia, muitas empresas tiveram que repensar o seu atual formato de trabalho para começar a construir um varejo omnichannel.

De acordo com a pesquisa da Riverbed Retail Digital Trends, que ouviu consumidores nos Estados Unidos, Austrália e Alemanha, cerca de 89% das pessoas concordam que ter uma experiência de compra digital positiva é tão importante para sua fidelidade a um varejista quanto seus preços.

No Brasil, o panorama não é tão diferente. Segundo dados levantados pela Neotrust, foram realizadas 78,5 milhões de compras online nos três primeiros meses de 2021, um aumento de 57,4% em comparação ao mesmo período do ano passado.

Esse é um movimento bastante comum em boa parte do varejo omnichannel, compras online em alta e o ponto físico sendo o local mais indicado quando o consumidor busca por uma experiência diferenciada ou por facilidades, como retirada em drive-thru e descontos especiais para quem opta por buscar o produto em poucos minutos na própria loja.

Sendo assim, estude o seu público, verifique quais pontos do varejo omnichannel ele mais valoriza e foque em melhorias que possam diferenciar o seu negócio da concorrência. Para aproveitar os picos de acesso, é preciso entender a sua operação e trabalhar com boas ferramentas que ajudarão a alavancar a sua marca.

Seja um varejo omnichannel de verdade

Vender a ideia de varejo omnichannel simplesmente por oferecer atendimento ao cliente via WhatsApp certamente não trará bons resultados para a sua empresa. É preciso ser de fato um varejista omnichannel.

O novo perfil de consumidor espera encontrar no varejo omnichannel um atendimento rápido, claro e esclarecedor, além de valorizar a integração em todos os processos. Para atuar como varejo omnichannel de verdade, é fundamental ter uma plataforma de excelência como sua aliada.

Por meio da inteligência artificial, é possível automatizar tarefas manuais e capacitar os clientes a praticarem o autoatendimento, quando esse for apropriado para o seu negócio. Além disso, como um sistema omnichannel de qualidade é possível criar regras de negócio complexas em poucos minutos, escalar times por especialidade, redirecionar por canais de atendimento e criar rotas inteligentes por produto, assunto ou motivos.

Com essa estrutura, os clientes falam imediatamente com a pessoa mais adequada para atender a sua demanda e o time de atendimento consegue focar na construção de relacionamentos mais personalizados.

Você conferiu no artigo de hoje como é possível garantir o bom desempenho mesmo em picos de acesso no varejo omnichannel. Para entender na prática todo o potencial de uma plataforma parceira dos varejistas, clique aqui e solicite uma demonstração gratuita da Solução Omnichannel da GVP.digital.

Ofereça atendimento ao cliente personalizado e sem esforço.

SOLICITAR UMA DEMONSTRAÇÃO ASSISTIR VÍDEO DEMONSTRATIVO